Mostrando postagens com marcador gerador. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador gerador. Mostrar todas as postagens

Por que grandes estabelecimentos devem possuir geradores


O pesadelo de todo empresário é perder dinheiro devido a uma interrupção nas operações devido a dificuldades técnicas. Cada minuto custa caro e quanto maior o seu negócio, maiores os prejuízos.
A chave para não haver interrupções ou atrasos é por meio do investimento em geradores. Todo grande estabelecimento deveria ter, pelo menos, um deles.
E é normal pensar, num primeiro momento, que isso seja um investimento supérfluo
Mas a realidade não é bem assim.
A principal justificativa é que, não importa quantas medidas você tome para manter sua empresa protegida contra o inesperado, às vezes as coisas estarão fora de seu controle.
Por exemplo, falta de energia resultante de clima imprevisível, desastres naturais ou causados pelo homem, e eventos específicos do local podem atrapalhar suas operações comerciais.
São nesses momentos que os geradores podem garantir que você possa continuar operando com segurança e estabilidade.
Vamos dar uma olhada para ver como esses equipamentos podem ajudar a manter seus negócios funcionando sem problemas. Mas primeiro, é fundamental esclarecer uma coisa…

Não basta apenas instalar

Os geradores são parte integrante do processo de planejamento de preparação para empresas de todos os tamanhos, e podem reduzir bastante as interrupções nos negócios quando a energia normal é interrompida.
Mas é claro que não basta simplesmente instalar o equipamento. Além de preocupações de segurança, se não for mantido adequadamente, um gerador poderá falhar em operar quando for mais necessário.
Só depois de cuidar de todas essas preocupações, será possível aproveitar todos os benefícios de ter um gerador e assim manter seu estabelecimento funcionando independente da situação.

Qual é o melhor tipo para a sua empresa?

Essas máquinas incríveis são usadas para criar ou produzir correntes e formas de tensão para energias elétricas que sua empresa pode utilizar sempre que precisar.
Isso é feito através do conceito de indução eletromagnética, gerando correntes alternadas ou diretas.
O tipo escolhido depende das necessidades da sua empresa e do que o gerador pode oferecer. Você pode encontrar geradores portáteis, de reserva, industriais, de inversores, de indução e diversos outros tipos.
Dependendo do tamanho da sua empresa, a maioria das empresas solicita os tipos industriais, porque é diferente de suas outras contrapartes. Seu tamanho e nível de aplicação os tornam perfeitos para grandes organizações.
O industrial pode operar com qualquer combustível fóssil para gerar toda a energia necessária, seja diesel, querosene, gás natural, propano e gasolina. Além disso, eles podem ser personalizados ao seu gosto, dependendo do que você deseja.

Motivos para ter um gerador

Agora que entendemos um pouco mais sobre como eles funcionam e quais categorias de equipamento você pode utilizar em seu estabelecimento, é hora de descobrir quais são os benefícios que um gerador pode trazer.
Dê uma olhada mais profunda em cada ponto para entender completamente por que é benéfico:

Funcionamento silencioso

Uma das vantagens que merece ser destacada é que, mesmo que esteja em pleno funcionamento, você não ficará incomodado ou irritado com o barulho.
Alguns geradores podem funcionar um pouco acima de 50 decibéis, o que é ótimo se você deseja que seus funcionários continuem trabalhando sem nenhuma distração devido ao barulho.

Protege seus investimentos

Se sua empresa envolver alguns testes e laboratórios sensíveis que operam para criar a próxima grande novidade no mundo, você precisará de algo que garanta a segurança e a prevenção rápida de qualquer possível falha em caso de falta de energia.
A maioria dos melhores geradores inicia instantaneamente quando a energia acaba, evitando que seus delicados procedimentos de teste sejam arruinados pela perda de eletricidade.

Salva vidas

Se você possui um hospital ou qualquer coisa na área médica e tem pacientes em seu prédio, eles estariam em maus lençóis se a energia acabasse.
Alguns pacientes têm familiares dependentes das máquinas médicas que operam para ajudar a aliviar a respiração principal, por exemplo. Portanto, um gerador pode ajudar a salvar a vida de milhões de pacientes em hospitais em todo o mundo.

Produção de eletricidade duradoura

Uma das melhores coisas sobre os geradores é que eles são projetados para operar por períodos mais longos, tornando-os melhores do que a maioria dos investimentos comerciais que você faria.
Isso ajudaria a promover um excelente desempenho e níveis mais altos de eficiência, garantindo que sua produtividade continue subindo e nunca descendo.
Portanto, mesmo que a interrupção ocorra por muitas horas, seus deveres comerciais não vão parar.

Conforto

Dependendo de onde está localizada sua empresa, você deseja um gerador que possa continuar funcionando, pois, trabalhar em calor ou frio intenso pode arruinar o dia de um funcionário.
Eles não seriam capazes de se concentrar em nada. Portanto, geradores confiáveis são a resposta para os problemas da maioria das pessoas, permitindo que você e seus funcionários cumpram suas tarefas confortavelmente, porque o ar-condicionado ou o aquecedor está funcionando corretamente.

As vantagens são boas demais para passar, e seria uma pena não comprar algumas dessas máquinas incríveis. Isso pode fazer uma enorme diferença para suas operações e também na produtividade do seu time.
Você pode continuar executando as operações da sua empresa com segurança e estabilidade, independentemente do clima ou da falta de energia.

Maximize seu investimento

Os geradores comerciais são uma valiosa ferramenta de continuidade de negócios em nossa economia “conectada”. Eles podem ser vitais para manter sua empresa operacional em caso de emergência, e proporcionar comodidade e tranquilidade em caso de perda de energia.
Recomenda-se que empresas e proprietários de grandes estabelecimentos gastem tempo trabalhando com um profissional para ajudar no projeto, compra, instalação, operação e manutenção de geradores.
Isso ajudará a criar um sistema que atenda às suas necessidades e garanta uma operação segura no local de trabalho.
Você ainda conta com a opção de aluguel de compressores e geradores. Dessa forma é possível aproveitar todos os benefícios sem ter que se preocupar com o funcionamento dos equipamentos.

Conheça as diferenças entre engenharia elétrica e eletrônica


O campo da Engenharia é uma área vasta com diversos segmentos de atuação. 

Ao todo são mais 30 áreas especializadas em diferentes estudos, campos de produção e desenvolvimento. 

Entre todo esse mundo da engenharia, existem dois segmentos que podem até ser confundidos pelo nome, mas é bom ter atenção, porque as atividades dos dois profissionais são bem distintas. Veja a seguir as diferenças entre engenharia elétrica e eletrônica.
Engenharia Eletrônica ou Engenharia Elétrica?

Algumas pessoas interessadas em dar início a um curso de graduação em engenharia podem se ver em dúvida sobre os dois cursos de graduação. Apesar das formações prepararem o profissional para áreas bastante diferentes, a confusão é compreensível, uma vez que ambos os engenheiros trabalham com a área da tecnologia e equipamentos eletrônicos. Porém, a diferença está na atuação de cada profissional.

O engenheiro elétrico se dedica às redes elétricas e grandes circuitos, focando sua atuação na geração e distribuição de energia elétrica e energias renováveis. Suas atividades estão relacionadas a redes de telefonia e usinas de produção de energia (hidroelétricas, solares, eólica, etc.). 

Já o engenheiro eletrônico tem o foco em equipamentos de baixa tensão e amplitude, como no desenvolvimento eletrônico e em todo processo de manutenção de aparelhos smartphonestablets, computadores, sistemas de monitoramento, entre outros.
Diferenças acadêmicas

Todos os cursos da área de Engenharia têm um início muito parecido na maioria das instituições de ensino do nível superior. 

Nos dois primeiros semestres da graduação a matriz curricular é composta em sua maioria por disciplinas básicas das Ciências Exatas, como Matemática, Lógica, Física e outras.

A partir do segundo ano os cursos começam a se diferenciar. Enquanto os estudantes da Engenharia Elétrica começam a ver disciplinas como Máquinas Elétricas, Sistemas de Controle, Redes Elétricas e outras, em Engenharia Eletrônica as atenções passam a se voltar mais para Eletromagnetismo, Antenas, Circuitos Digitais, Redes de Internet e Telefonia, etc.

Registro no CREA

Após a formação acadêmica, tanto o engenheiro elétrico quanto eletrônico só estão devidamente habilitados a exercer suas funções de acordo com a lei após o registro no Conselho Regional de Engenharia e Agronomia (CREA) com jurisdição sob o local de sua atividade. Portanto, engenheiros, agrônomos, tecnólogos e profissionais de formação técnica voltada às áreas cobertas pelo Conselho precisam tirar o CREA para atuar de forma legal. 

Fonte: Educa Mais Brasil

Gostou da matéria?
Curta e compartilhe com os amigos.
Siga-nos no Instagram e Twitter. Os links estão no topo do Blog.

Conheça A Primeira Usina Elétrica Por Ondas do Brasil

Há um tempo que o Brasil (empresas privadas) vem patrocinando projetos de geração de energia de fonte renovável.

Hoje iremos conhecer um pouco sobre a primeira Usina elétrica que gera energia à partir das ondas do mar.

Esse é um projeto desenvolvido pela COPPE (Instituto de Engenharia da UFRJ), financiado pela empresa TRACTEBEL Energia com apoio do Governo do Estado do Ceará.

Construído com tecnologia totalmente nacional, um projeto inovador.

Está instalado no porto do Pecém, litoral do estado do Ceará há 60 km de Fortaleza.

Veja a baixo um vídeo institucional sobre como funciona essa usina.


Gostou da matéria?
Compartilhe em suas redes sociais e curta nossa página no Facebook

Conheça a Maior usina solar da América Latina

A cidade de Ribeira do Piauí inaugurou esse ano a maior usina geradora de energia solar da América Latina.
Maior usina solar da America latina
Com aproximadamente um milhão de placas solares, distribuídas em um terreno de cerca de setecentos campos de futebol. 



A usina gera 292 mega watts de energia e está interligada com a rede nacional de distribuição.

Essa energia gerada é capaz de abastecer uma cidade com um milhão e duzentas mil pessoas, diariamente.

Assista o vídeo da reportagem do Bom dia Piauí abaixo:




Fonte: G1

Adblock Detectado

SEI QUE VOCÊ NÃO GOSTA DE PROPAGANDA, NÓS TAMBÉM NÃO

Mas essa é a maneira que encontramos de mostras as matérias gratuitamente para você.

Por favor, desabilite seu AdBlock e desfrute de todas as informaççoes do nosso site.

Muito obrigado, Blog Do Engenheiro

×